Brow Lifting - Sobrancelhas
CIRURGIA PARA REPOSICIONAMENTO DAS SOBRANCELHAS

QUANDO ESTÁ INDICADA?
O posicionamento da região do supercílio tem grande influência sobre a estética facial, devendo ser abordado em grande parte dos tratamentos dirigidos ao rejuvenescimento da face. Com o passar do tempo, há uma flacidez dos tecidos de sustentação da região da sobrancelha, gerando a chamada ptose superciliar, que é a queda destes tecidos em direção ao canto dos olhos. A posição da cauda da sobrancelha considerada ideal, e que é encontrada em indivíduos jovens, é sua localização acima da borda óssea localizada sobre o canto externo dos olhos (rebordo orbitário superior) em mulheres e exatamente sobre esta borda óssea em homens.

A ptose superciliar confere um ar mais cansado à região dos olhos e intensifica a sobra de pele observada na pálpebra superior. Assim, seu tratamento cirúrgico completa e otimiza os resultados da cirurgia estética das pálpebras (Blefaroplastia) ou do Lifting facial.

COMO É A CIRURGIA?
O Brow lifting é realizado sempre em ambiente hospitalar, para maior segurança. O procedimento dura em torno de trinta minutos isoladamente, mas geralmente é associado a outras cirurgias como a Blefaroplastia ou Lifting Facial.

Geralmente realizamos o Brow lifting por duas vias: através do couro cabeludo ou da incisão da blefaroplastia superior.

A incisão realizada no couro cabeludo tem aproximadamente 1,5 a 2 cm e permite um descolamento da região da testa acima da cauda da sobrancelha.

Através deste acesso passa-se um fio que traciona a sobrancelha superiormente. A cicatriz resultante permanece oculta entre os cabelos.

Uma outra abordagem é usar a incisão já realizada para o tratamento da pálpebra superior e através desta acessar a região da cauda da sobrancelha, fixando-a em posição mais superior. A cicatriz resultante é a mesma da Blefaroplastia superior.

QUAL A ANESTESIA UTILIZADA?
Na maioria dos casos é necessária apenas anestesia local associada ou não a sedação. Pode também ser realizada sob anestesia geral.

QUAL O TEMPO DE INTERNAÇÃO?
O procedimento é geralmente realizado em regime ambulatorial, permanecendo no hospital normalmente apenas até a completa recuperação da sedação ou anestesia.

COMO É O PÓS-OPERATÓRIO?
Geralmente o pós-operatório não apresenta desconfortos importantes. A dor não costuma ser intensa e é controlada com analgésicos. É necessária a realização de compressas frias sobre as áreas operadas nos primeiros dias para redução do inchaço. Com a mesma finalidade de redução do inchaço no pós-operatório recomenda-se também dormir com a cabeça mais elevada (utilizando-se um travesseiro a mais ou calço de espuma). A proteção solar (principalmente com o uso de óculos escuros) é necessária por pelo menos 30 a 60 dias após o procedimento. É possível retornar às atividades habituais já dentro de alguns dias (até uma semana) após a cirurgia.

As informações expostas acima pretendem oferecer apenas uma visão geral do procedimento em questão, e em nenhuma maneira substituem a consulta médica. Nesta será discutido qual o procedimento mais adequado ao seu caso, bem como serão dadas as orientações de maneira individualizada.

Campinas - Clínica Benavitta - Albino José Barbosa de Oliveira, 856, Barão Geraldo. Tel (19) 3367-8600
Indaiatuba - Office Premium - Rua das Orquídeas, 667, Cj. 401, Jd. Pompeia. Tel (19) 3115-3337/(19) 99915-3337
DR. DAVI REIS CALDERONI ® 2012 - Todos os Direitos Reservados CRISOFT ® 2005